Poltica

EM DUBAI

Coapa integra comitiva que apresentou potencialidades do Tocantins a rabes

06/10/2019 10h34 - Atualizado em 11/10/2019 10h30

Terminou no dia 2 de outubro, a visita institucional da comitiva do Governo do Estado do Tocantins a Dubai, um emirado dos Emirados Árabes Unidos. A missão iniciada no dia 27 de setembro teve como objetivo apresentar as potencialidades do Tocantins para investidores durante o Dubai Investment Week, que em tradução literal significa Semana do Investimento de Dubai.

Membro da comitiva tocantinense que acompanhou o governador Mauro Carlesse, juntamente com os secretários de estado César Halum (Agricultura), Sandro Henrique Armando (Fazenda) e Claudinei Aparecido Quaresmin (Parcerias Público-Privadas) e o empresário Volney Aquino Santos, o presidente da Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa), Ricardo Khouri, destacou que a visita irá permitir a concretização de parcerias importantes para o crescimento do estado. “Caminhamos de uma maneira muito elaborada para mais uma oportunidade de mercado, neste caso o árabe, para os produtos tocantinenses. Essas oportunidades estão aparecendo cada vez mais evidentes. Este é um primeiro passo para consolidação de planos futuros, acesso ao mercado e ao mundo árabe e também para oportunidade de crédito, através dos fundos de investimentos. Foi uma experiência bastante exitosa, é a fase primordial que cria a base para consolidação de um novo mercado”, frisou Khouri.

Dubai Investment Week

O Dubai Investment Week é uma iniciativa da Agência de Desenvolvimento de Investimentos de Dubai (Dubai FDI), um órgão do Departamento de Desenvolvimento Econômico do Governo de Dubai. Constitui uma plataforma global para descobrir oportunidades de crescimento, construir parcerias público-privadas e promover a inovação. O evento oferece aos participantes a oportunidade de aprender sobre as vantagens estratégicas de Dubai como uma cidade do futuro, porta de entrada para os mercados regionais em crescimento e seu papel crescente como um eixo central na economia global.